Tuesday, November 25, 2008

Um rumo


Apesar de algumas coisas não estarem saindo do jeito que eu queria que saíssem, finalmente acho que encontrei um rumo. A melhor coisa quando você sente que sua vida está passando e você não a está vivendo é procurar ocupações. Nos últimos meses procurei estar sempre ocupada com diversos assuntos, faculdade, trabalho, concursos, religião etc, e voltei a me sentir mais útil, fora do inanismo que estava. Antes eu parecia estar presa a correntes imaginárias que não me deixavam andar, não conseguia ter ânimo para nada, tudo me parecia inútil, ou que eu acreditava que não ia conseguir. Inventava desculpas para tudo, qualquer coisa eu tinha um motivo na ponta da língua para não me dedicar, ora eu não tinha tempo, ora eu não era boa o suficiente etc. Mesmo com mais uma decepção na minha vida profissional, sei que não vou desistir. Vou continuar tentando, pois tudo na minha vida não foi fácil, e eu agradeço à Deus por isso, pois sei dar valor à tudo que recebi, à tudo que sou, à tudo que aprendi, e à tudo que consquistei. E quero continuar a dar valor por tudo que recebo, pois sei que com certeza vai ser com muito suor e dedicação que vou conseguir atravessar as pedras em meu caminho e trilhar com coragem e humildade a minha vida.
Agradeço também à todas as pessoas que estão a minha volta que me ajudam e torcem pela minha caminhada, minha irmã, meu marido, meu pai, meus 'guias', meus amigos, minhas colegas de trabalho, todos de alguma forma me animaram e me levantaram em algum momento que pensei em desistir. E é claro também torço e incentivo o sucesso de todos eles. Bem falando assim, parece até que eu passei em algum mega concurso, que nada, simplesmente apenas estou contente por ter ocupações e objetivos, ou seja um rumo em minha vida, coisa que até pouco tempo atrás eu não tinha ou não queria ter...
Michelle Trindade

1 comment:

Danielle Trindade said...

I agree! sempre com objetivos na vida! eu espero fazer parte de grande parte deles.